2010 – Mais um ano com ceratocone

By | Outubro 2, 2013

Estávamos em 2010, um ano que prometia muitas novidades da minha vida.

Encontrava-me a trabalhar (felizmente continuo a trabalhar ainda agora em 2013!) e andava a estudar para o exame de matematica, para concorrer ao ensino superior. Era meu objectivo entrar em eng informática em Pos Laboral.

O ceratocone estava estabilizado, diariamente metia as lentes de contacto utilizando o método piggyback e assim ia fazendo a minha vida normal.

Claro que tentava ao máximo não passar as 12 horas diárias do uso das lentes.

Chegamos a Junho e começou a época de exames, tirei uma boa nota no exame, candidatei me ao curso de engenharia informática no ISEP e entrei!

Claro que fiquei bem contente por este grande passo na minha vida, mas nem tudo são rosas e só depois de começar a ter aulas a noite vi o que custava aguentar as lentes durante tanto tempo.

Estar desde as 8 da manha ate a meia noite que chegava a casa com as lentes começava-se a tornar um inferno. Com esta brincadeira acabei o ano de 2010 com mais uma conjutivite. Os médicos avisaram me que não podia andar tanto tempo com lentes de contacto e dado o meu estado na corneá as coisas podiam piorar. Com isto reparei que os meus olhos cada vez secavam mais, o que me fazia usar ainda mais lágrima artificial por dia.

Ao não poder estar tanto tempo com as lentes de contacto, impossibilitava me ir a faculdade, pois não conseguia ver para o quadro e muito menos conduzir. Com isto chegaram as ferias do natal e tinha que pensar numa estratégia para o segundo semestre. O primeiro ate correu bem, fiz 3 de 5 cadeiras. Mas a minha saúde esta primeiro e não podia danificar ainda mais a corneá.

 

 

 

 

Deixar uma resposta